TCE realiza seminário para orientar gestores e parlamentares do Baixo Acre

Segunda-feira, 30 de janeiro de 2017


TCE realiza seminário para orientar gestores e parlamentares do Baixo Acre

Com o objetivo de orientar os gestores sobre as primeiras medidas que devem ser tomadas na gestão das Prefeituras e Câmaras Municipais, o Tribunal de Contas do Estado (TCE), realizou nesta sexta-feira, 27, o Seminário “Gestão Pública Municipal”. O evento, que foi realizado no Plenário do TCE, contou com a participação de prefeitos, vereadores e secretários de Rio Branco, Acrelândia, Bujarí, Capixaba, Jordão, Manoel Urbano, Plácido de Castro, Porto Acre, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira e Senador Guiomard. Durante o Seminário, o presidente do Tribunal de Contas, conselheiro Valmir Ribeiro, destacou a importância do encontro, afirmando que a intenção primeira do TCE é ser um parceiro da gestão pública, auxiliando os gestores para que possam utilizar os recursos públicos dentro do que é exigido pela legislação.

“O TCE é um verdadeiro parceiro da gestão pública. Antes de tudo, queremos cumprir nossa função pedagógica, auxiliando nossos gestores. Esse Seminário é mais uma oportunidade para que possamos tirar as dúvidas e iniciar bem a gestão das Prefeituras e Câmaras. Queremos estreitar a relação, oferecendo as orientações necessárias para que os recursos públicos sejam bem aplicados”, disse.

A vice-prefeita de Rio Branco, Socorro Neri, fez questão de parabenizar o presidente do TCE pela iniciativa, afirmando que o Seminário é uma forma de aproximação com os gestores, possibilitando que dúvidas sejam esclarecidas, para que possam continuar trabalhando dentro da legalidade.

“Quero parabenizar o presidente Valmir Ribeiro e os demais conselheiros, por essa iniciativa. Todos nós queremos acertar, queremos cumprir bem essa missão que nos foi confiada pela população. Esse Seminário é uma oportunidade para que possamos esclarecer nossas dúvidas e iniciar bem nossa gestão”, destacou.

Participaram do encontro os conselheiros Antônio Malheiro, Cristóvão Messias, Naluh Gouveira, Dulcinéa Benício e a conselheira substituta Maria de Jesus. Também participaram os procuradores do Ministério Público de Contas Mário Sérgio de Oliveira, Sérgio Cunha e Anna Helena de Azavedo.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *