Tribunal de Contas e FESPAC capacitam servidores na área de licitações

Quarta-feira, 27 de abril de 2016


DSC00855 CopyO Tribunal de Contas do Estado do Acre (TCE/AC) em parceria com a Fundação Escola do Servidor Público do Estado do Acre (FESPAC) encerrou hoje, 27 de abril, mais um Curso Básico de Licitações e Contratos Administrativos. A capacitação, voltada para servidores públicos estaduais, abordou temas como: Noções Gerais e Aplicação dos Métodos dos processos Licitatórios, Sistema de Registro de Preços e Formalização, Gestão e Fiscalização de Contratos Administrativos.

Servidores do setor de compras e licitações das secretarias estaduais participam desde ontem, 26, da capacitação ministrada pela Analista de Controle Externo, Ana Cristina Araújo, que é especialista em licitações e também membro da Comissão Permanente de Licitações do TCE/AC.IMG 20160427 WA00111

A instrutora do curso, a Analista Ana Cristina, afirma que a capacitação foi bastante produtiva e contribuiu para mais uma turma de servidores capacitados na área. “Tive a oportunidade de compartilhar um pouco do meu conhecimento com mais um grupo de servidores que necessitam de capacitação na área de licitações, um tema tão complexo e necessário para a boa gestão pública”, destaca.

A capacitação faz parte do Projeto Servidor Parceiro da FESPAC, uma ação idealizada pela Presidente da instituição, Heloísa Pantoja. O Projeto iniciou em 2015 e foi elaborado a partir da necessidade de capacitação para servidores em diversas áreas. “A estratégia é uma forma de, no atual cenário de crise, capacitar os servidores por meio das parcerias, contando com profissionais competentes que compartilhem seus conhecimentos, pois sabemos que quanto mais se compartilha, mais se aprende”, explica Marisete Paiva, chefe de gabinete da Escola do Servidor.
Desde 2015 até abril de 2016, um total de 4670 servidores públicos foi qualificado por meio de Projeto Servidor Parceiro. Segundo a instituição, entre cursos e palestras, 63 capacitações foram ministradas abrangendo as áreas econômicas, administrativas e sociais. Dessa forma, a ação conseguiu atender mais de 70 unidades de trabalho.

O servidor Anselmo de Miranda, da Secretaria Adjunta de Compra e Licitações (SELIC), comenta a importância de participar do curso. “Estamos vendo algumas mudanças na lei, são informações novas e muito importantes para nosso trabalho, esse conhecimento e experiência que adquirimos vai nos ajudar a fazer nosso papel com mais eficiência”, afirma.DSC00861 Copy

Para a servidora da SELIC, Ana Rodrigues, a realização do curso é necessária e explica que seu setor de trabalho envolve diretamente o uso do dinheiro público, por isso, é essencial ter esse conhecimento. “O governo não é como uma empresa privada é preciso fazer as cotações, tem que haver a licitação pública se for compra acima de oito mil reais, então tudo isso envolve a gestão pública”, argumenta.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *